bianca-ad-hd
Banner-Web-Portal-O-Corupaense-640x167

Floriani Equipamentos para Escritorio=

Professores de Santa Catarina fazem curso em Leipzig (Alemanha) Um grupo de professores de Santa Catarina, participa do Seminário para professores da Segunda Licenciatura de Alemão (Seminar in Deutschland für Lehrer-ihnen in Aufbaustudium Deutsch), que acontece em Leipzig, na Alemanha, de 06 a 26 de janeiro. A turma está acompanhada de Mônica Lignau Krüger, coordenadora do curso Parfor, da UFPR em Joinville. O grupo é formado por 10 professores de cidades da região e do Paraná: Araquari(1), Corupá (1), Jaraguá do Sul (2), Joinville (3), Pomerode (1), Schroeder(1) e de Curitiba (1). A turma está cursando três disciplinas e também conhecendo um pouco da história e cultura de Leipzig e cidades próximas como Dresden, Berlim e Praga, na República Tcheca. Além disso, vivencia o dia-a-dia da vida de um cidadão alemão. O curso termina no dia 26 de janeiro. Os custos da viagem são financiados pela embaixada alemã e pelo Interdaf, departamento de língua alemã, da Universidade de Leipzig. O curso faz parte da grade curricular da faculdade Segunda Licenciatura de Alemão, oferecida pela UFPR, do Paraná, através do programa Parfor. Esta é a segunda turma do curso. A primeira turma também teve a mesma oportunidade no ano passado e concluiu a faculdade em dezembro. Uma terceira turma está em andamento. O objetivo do curso é qualificar professores para lecionarem a língua alemã nas escolas da rede municipal. Espera-se, que futuramente alguns municípios a incluam na grade curricular. A Capes vai lançar um novo edital para o Parfor Segunda Licenciatura em Alemão. Os interessados devem cadastrar-se na plataforma Capes Educação Básica no endereço eletrônico: eb.capes.gov.br Nos municípios de Pomerode e Schroeder, a disciplina língua alemã já integra a grade curricular. Em outros municípios é oferecida extra-classe. No município de Corupá é oferecida extra-classe desde 2017, no contraturno escolar. O ensino da língua alemã é muito importante para resgatar, valorizar e cultivar a língua dos descendentes alemães e também para oportunizar trabalho nas empresas alemãs, instaladas no Brasil e outras que necessitam de pessoas que dominem e falem a língua alemã.

Banner-Web-Portal-O-Corupaense-640x167