campanha-aniversario-jaragua-do-sul

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Polícia da Comarca de Barra Velha, cumpriu um mandado de prisão preventiva contra um homem de 42 anos por estupro e roubo, em Barra Velha e região. O homem é suspeito de cinco estupros contra idosas. Segundo o delegado Procópio Batista Silveira Neto, a maneira de agir era similar em todos os casos. O suspeito identificava vítimas com características semelhantes – mulheres na faixa dos 65 anos – que moravam em locais pouco movimentados e sozinhas. Todos os crimes foram premeditados. Após monitoramento inicial em que acompanhava detalhadamente a rotina das vítimas, ele entrava nas casas em horários de pouca movimentação na vizinhança e abusava sexualmente das vítimas.

Em alguns casos, o homem aproveitava a oportunidade e roubava bens das vítimas, como celulares. Ao todo foram três casos em Barra Velha, um em Balneário Piçarras e um caso com vítima ainda não identificada. O suspeito estaria vivendo em Santa Catarina há mais de 10 anos. Ainda de acordo com o delegado, a  prisão aconteceu no dia 17/03/2020 e as investigações revelaram que, além dos crimes praticados em Santa Catarina, o suspeito estava foragido da Justiça em decorrência de um crime de estupro de vulnerável e roubo majorado, crime cometido contra uma criança de 12 anos no Rio Grande do Norte e por latrocínio contra um casal de idosos, no Ceará. Em decorrência de suas características de crimes de estupro em série, há fortes indícios de que, durante esse período longo foragido em SC, o suspeito tenha cometido outros crimes semelhantes ainda não notificados às autoridades policiais. Eventuais vítimas devem entrar em contato com a Polícia Civil pelo disque denúncia 181 ou diretamente na Delegacia de Polícia de Barra Velha. O Inquérito Policial foi concluído e remetido ao Ministério Público e ao Judiciário para adoção das providências cabíveis.

campanha câmara de vereadores de jaraguá do sul
Midia camara - julho

Faça parte do nosso grupo no Whatsapp