Banner-Otica-Behling-Corupaense-640x167

Por volta das 10h20 de hoje (6), uma guarnição da Policia Militar em rondas pela Rua José Nart, Centro – Guaramirim, foi abordada por uma mulher de 40 anos e ela relatou que durante a madrugada, seu vizinho foi até a porta de sua casa e ficou com o órgão genital para fora e chamando por ela.

Imediatamente, ela gritou por socorro e seu sobrinho, que estava na casa, correu para ajudá-la, flagrando a situação. Com isso o homem correu para sua residência. A mulher relatou que não acionou a Polícia no momento dos fatos, pois não tinha como entrar em contato.

Os policiais foram ao encontro do acusado, que negou o fato. Apesar disso, recebeu voz de prisão e a ele foi oferecido o benefício da lei 9.099/95 e se comprometeu a comparecer em audiência no Juizado Especial, sendo lavrado um termo circunstanciado e liberado.

Banner-Web-Portal-O-Corupaense-640x167