Início Destaques Polícia militar prende mulher por desacato. Ela chamou os policiais de escrotos...

Polícia militar prende mulher por desacato. Ela chamou os policiais de escrotos e idiotas

224
0
COMPARTILHAR
Desacato
Local: Rua Joaquim Francisco de Paulo, água verde – JARAGUÁ DO SUL
Data/Hora: 09/10/2018 04:49:00
Histórico:
Na madrugada de 3ª feira uma guarnição policia abordou três pessoas suspeitas no pátio de um posto de combustíveis no bairro Água Verde, sendo dois homens e uma mulher. Inicialmente, os policiais deram atenção aos homens pois os mesmos já eram conhecidos por envolvimento em ilícitos, porém, não havia pendências contra eles e nada de ilegal foi encontrado com os mesmos em uma primeira verificação. Após, os policiais averiguaram antecedentes da mulher e, da mesma forma, nada havia contra a ela, motivo pelo qual os policiais apenas a orientaram a se afastar a fim de prosseguirem na abordagem aos dois homens.A mesma se afastou,mas retornou e passou a atrapalhar os procedimentos. Foi-lhe então dado ordem para se afastar, ordem esta não atendida. Ato contínuo a mulher passou a desacatar os policiais, chamando-os de escrotos e idiotas. A mulher, que tem 36 anos de idade, foi então presa em flagrante e, devido ao seu estado etílico, foi encaminhada à delegacia para os procedimentos.”https://www.facebook.com/porttoni/”>

Recuperação de motocicleta furtada
Local: R. São Cristóvão, Tifa Martins – Jaraguá do Sul
Data/Hora: 09/10/2018 07:41:00
Histórico:
Na manhã de 3ª feira a Central de emergências recebeu denúncia de que em uma residência havia uma motocicleta escondida, que possivelmente teria sido furtada. Uma guarnição deslocou até o local e encontrou em frente à casa uma Honda Biz de cor azul, placa MCF-5882. A mesma estava coberta com cobertores velhos e sacos plásticos.Em consulta ao sistema nada havia de irregular, porém devido à maneira como estava escondida os policiais suspeitaram e fizeram contato com a proprietária através de telefone cadastrado no sistema DetranNet. A proprietária informou entao que a moto havia sido furtada na noite anterior e que ainda não tinha ido registrar o furto.Devido à falta de meios para conduzir a moto até a delegacia, a proprietária foi chamada ao local da ocorrência onde a moto lhe foi entregue. Na residência não havia ninguém.

Deixar uma resposta

Por favor, escreva seu comentário
Por favor escreva seu nome