Início Destaques Filha agride a mãe e é presa pela polícia

Filha agride a mãe e é presa pela polícia

298
0
COMPARTILHAR

Maria da Penha
Local: Rua Oliveira – Corticeira – Guaramirim
Data/Hora: 22/05/2018 11:25:00
Histórico:
No final da manhã a Central de Emergências recebeu ligação de uma mulher que disse ter sido agredida pela filha. A guarnição policial foi empenhada e ao chegar no local encontrou a autora do fato do lado de fora da casa e a vítima no interior da mesma. Em conversa com as envolvidas foi constatado que a vítima tinha uma lesão na mão esquerda que, segundo ela, fora causado pela autora.Os policiais deram voz de prisão à agente, de 30 anos de idade, e e encaminharam à delegacia.Em conversa com a vítima esta relatou que fora agredida após pedir de volta o seu cartão de crédito que estava em poder da filha pois esta já tinham feito muitas dívidas em seu nome.

Desobediência
Local: R. José Theodoro Ribeiro, 4271, Ilha da Figueira – Jaraguá d
Data/Hora: 22/05/2018 22:39:00
Histórico:
A guarnição realizou abordagem em um bar localizado na Rua José Theodoro Ribeiro, Bairro Ilha da Figueira em Jaraguá do Sul, onde foi constatado que o estabelecimento estava com o alvará vencido desde o dia 28/02/2018. Diante do fato, o bar foi fechado e para a proprietária foi lavrado o Termo Circunstanciado por desobediência, sendo liberado após o compromisso de comparecer em juízo.

Lesão Corporal Leve / Dano.
Local: Rua José Theodoro Ribeiro – Ilha da Figueira – Jaraguá do S
Data/Hora: 22/05/2018 15:38:00
Histórico:

A Central Regional de Emergência (CRE) foi acionada através do telefone 190 por solicitante que foi vítima de lesão corporal leve e dano. No local a guarnição conversou com o solicitante que relatou ter vendido um celular para um jovem, sendo que no dia de hoje foi cobrar o valor do aparelho e o jovem disse que não ficaria com o celular, pois estava com a tela quebrada. Então ele pegou e quebrou ainda mais a tela do aparelho e deslocou para borracharia do seu padrasto. O solicitante foi atrás do jovem tentando dialogar quando o padrasto do jovem partiu para cima do mesmo com uma chave de rodas lhe agredindo na cabeça e no braço esquerdo e em seguida pegou uma marreta e danificou seu veiculo. Diante dos fatos a guarnição deu voz de prisão ao agressor que aceitou o benefício da Lei 9099 e foi liberado após a lavratura do termo circunstanciado.

Perturbação do trabalho.
Local: Av. Mal Deodoro da Fonseca – Centro – Jaraguá do Sul.
Data/Hora: 22/05/2018 14:20:00
Histórico:

A Central Regional de Emergência (CRE) foi acionada através do telefone 190 por servidora da Justiça do Trabalho devido uma mulher estar perturbando audiência judicial, pois ela não queria retirar-se do local após o término de sua audiência, impedindo que o Juiz desse prosseguimento nas audiências. Além de negar-se em sair do local, ainda segurou sua filha menor no colo, como forma de evitar ser retirada do local pela guarnição. O marido dela tentou pegar a criança do colo da mãe, sendo que esta resistiu e a guarnição precisou fazer o uso da força para retirar a criança e resguardar a segurança da mesma, que para isto teve ajuda do Bombeiro Voluntário que também estava no local. A autora precisou ser algemada, já que estava descontrolada e agressiva no local e apresentava lesões leves devido a força realizada para sua prisão. Durante todo o tempo dizia ter sido agredida por uma mulher que não estava mais no local. Tanto o Juiz de Direito quanto o advogado dela negaram a afirmação, informando que não ocorreu agressão e que ela estava apenas inventando desculpa para não sair da sala de audiência. Diante dos fatos ela recebeu voz de prisão e foi conduzida a delegacia para a lavratura dos procedimentos.

Facebook Comments

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here