Início Destaques Prefeito Gottardi participa de reunião com o ministro do Desenvolvimento Social

Prefeito Gottardi participa de reunião com o ministro do Desenvolvimento Social

61
0
COMPARTILHAR

O prefeito de Corupá João Carlos Gottardi participou na manhã desta segunda-feira (26) de reunião dos prefeitos da região da Associação dos Municípios do Vale do Itapocu (Amvali) com o Ministro do Desenvolvimento Social Osmar Terra na Scar de Jaraguá do Sul. Após a reunião, o ministro ministrou palestra para cerca de mil profissionais da educação dentro da 2ª Reunião Pedagógica da Educação Infantil.

Estiveram presentes na reunião, além do prefeito de Corupá João Carlos Gottardi, o prefeito de Jaraguá do Sul Antídio Lunelli, o prefeito de Guaramirim Luiz Antônio Chiodini, o prefeito de Massaranduba Cezar Tassi, deputado federal Mauro Mariani, o deputado estadual Carlos Chiodini, o prefeito de Santa Rosa (RS) Alcides Vicini, o secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Jaraguá Leonel Pradi Floriani e secretários municipais.

A reunião com os prefeitos e coletiva de imprensa esteve entre os compromissos da agenda do Ministro Terra que serviu para reforçar os pleitos dos municípios da região na área social. O prefeito João Carlos Gottardi reforçou a necessidade de um apoio maior do governo federal para os municípios que estão na ponta e que são os que mais precisam de recursos para atender a população em suas necessidades. Gottardi entregou ao ministro solicitação de um veículo para a Secretaria de Desenvolvimento Social de Corupá utilizar para os trabalhos desenvolvidos no Centro de Referência em Assistência Social (CRAS). Gottardi também presenteou o ministro Terra com bananas-passa divulgando o município que é detentor do título de Capital Catarinense da Banana e busca o certificado de indicação geográfica de banana mais doce do Brasil.

 

 

Palestra

 

A palestra realizada pelo Ministro do Desenvolvimento Social Osmar Terra durante a 2ª Reunião Pedagógica da Educação Infantil abordou a primeira infância. Segundo Terra, estudos demonstram que o grande desenvolvimento de neurônios e conexões nos primeiros mil dias de vida contribuem para o desenvolvimento educacional e social da criança. Uma vez tendo as conexões prejudicadas nesta fase da vida, a criança nunca mais as recupera.

E foi para dar atenção à primeira infância que é que foi criada a partir do Marco Legal da Primeira Infância (Lei nº 13.257/2016) o Programa Criança Feliz, que consiste no acompanhamento domiciliar semanal de quatro milhões de crianças de zero a seis anos, de famílias de baixa renda. Segundo o ministro, com esse acompanhamento intersetorial (saúde, educação, social, cultura) o governo pretende orientar as famílias sobre a importância da interação família-bebê, os cuidados com a alimentação, os estímulos às crianças já nos primeiros meses de vida, os cuidados com a depressão pós-parto e a prevenção à violência contra a criança.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here